COMO A AMALTHEA MELHORA O RENDIMENTO E A SUSTENTABILIDADE DO QUEIJO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL DA INFOR

O principal fabricante holandês de queijo de cabra assegura a qualidade dos seus produtos, enquanto poupa tempo e custos, ao ter informação sobre as variações do processo

 Um dos maiores desafios para os fabricantes de lacticínios é a imprevisibilidade do ingrediente principal, o leite. A sua composição varia consoante os produtores e as estações do ano, o que significa que não existe um padrão que possa ser aplicado em todos os lotes de leite cru para manter a qualidade e a rentabilidade. Para assegurar a consistência do queijo, manter os clientes fidelizados e maximizar a rentabilidade, o produtor do queijo de cabra Amalthea precisava de uma alternativa para acompanhar e dirigir todo o processo de produção do queijo, o mais rápido possível.

 A Amalthea é o principal produtor de queijo de cabra na Holanda e vende os seus produtos em mais de 35 países. A melhoria da produção de queijo de leite não só aumenta a rentabilidade, como também melhora as práticas de sustentabilidade, uma vez que a extração de mais produto do leite cru reduz os resíduos. Por cada 1% de aumento de rendimento, a empresa poupa aproximadamente 500.000 euros que reinveste no desenvolvimento do seu negócio. Planeia aumentar significativamente a sua capacidade de fabrico em cinco anos para satisfazer a elevada procura por mais variedades de queijo e produtos inovadores como o CleardMilk®, Whey e outros componentes extraídos do leite cru.

 Para cada lote de queijo, a Amalthea costumava estabelecer um objetivo de margem com base na produção anterior. Quando um lote de queijo se afastava do valor planeado ou quando este não era estabelecido, os operadores da fábrica eram obrigados a agir, realizando alterações na produção para tornar o processo mais eficiente. Os problemas de produção eram identificados através do processamento manual dos dados e da sua análise semanal. Com aproximadamente 240.000 litros de leite processados por dia, não era ideal, aguardar uma semana ou, por vezes, um mês para obter conclusões e realizar as alterações necessárias no sistema para o otimizar.

 "Tivemos de efetuar manualmente os cálculos de produção de leite, o que só conseguíamos fazer uma vez por semana ou uma vez por mês, sendo demasiado tarde. Além disso, não tínhamos capacidade para calcular os rendimentos por lote; só o fazíamos a um nível agregado. Mas agora, com Infor Coleman AI, não só conseguimos ver os rendimentos por lote de queijo em tempo real, como também nos dá uma visão direta sobre o que contribui para uma maior ou menor produção de leite, para que os operadores possam agir diretamente", explicou CFO Joris Aarts.

Em 2020, modernizaram o seu ERP com a Infor CloudSuite Food & Beverage e aproveitaram o poder da plataforma tecnológica integrada Infor OS para resolver um problema crítico do negócio, que era difícil de resolver devido às aplicações desatualizadas e desconectadas, silos de dados e a falta de tempo e recursos. A modernização criou aplicações impulsionadas pela IA em menos de 90 dias. Como a inovação está na natureza da Amalthea, foi um passo lógico.

 Ao aplicar a Inteligência Artificial Infor Coleman, nas encomendas, nos lotes de fabrico anteriores e noutros atributos de produção, o modelo de Machine Learning detetou os lotes que se desviam do objetivo da margem, juntamente com uma explicação das principais razões para o valor obtido. É um processo que ocorre diariamente e a informação é fornecida através de interfaces flexíveis dependendo do utilizador final - Homepages da CloudSuite Food & Beverage para as operações e os dashboards do Infor Birst para a gestão. A deteção e a explicação do desvio de rendimento da Amalthea, orientada pela IA, é agora totalmente automatizada - desde a recolha de dados até ao processamento e apresentação. Implementada em menos de 90 dias, a solução apoia a tomada de decisões para estabilizar o processo de futuras encomendas de fabrico: 

  • Ajustar a estabelecer o objetivo da margem;
  • Compreender os fatores da potencial rentabilidade e fixar as variações;
  • Atualizar os parâmetros do processo de fabrico do queijo.

 "O que também vimos e aprendemos é que, para alguns lotes de queijo, não tínhamos o objetivo correto", disse Aarts. "O Infor Coleman AI mostrou-nos a margem média do leite para todos os lotes de queijo desde a sua recepção, e utilizámos esta informação para alterar o objetivo para o valor correto, de modo que os parâmetros em vigor estivessem alinhados para o melhor resultado possível".

Com o Infor Coleman AI, a Amalthea pode agora orientar o processo de produção de queijo mais rapidamente e com maior precisão: 

  • Identificação 7x mais rápida (de semanal para diário) dos desvios da margem;
  • Reconhecimento das principais razões da rentabilidade e identificação das ações posteriores de otimização;
  • Objetivos de rentabilidade mais precisos;
  • Estabilizar a variabilidade do processo para a margem e para melhor qualidade;
  • 500.000 euros de poupança anual por cada 1% de aumento do rendimento;
  • Poupança de 10 horas semanais, na recolha e análise de dados;
  • Maior sustentabilidade com maior rentabilidade nos produtos e menos desperdício;
  • Clientes mais satisfeitos com a consistência de queijo de alta qualidade.

 Outra grande vitória para a empresa é que os seus operadores não têm de despender o seu tempo, no diagnóstico de problemas devido aos desvios da margem, uma vez que o sistema Infor gera automaticamente informações acionáveis ou expõe as razões para os desvios. Assim, estes podem concentrar os seus esforços na estabilização do processo de produção de queijo e continuar a crescer de um modo mais eficiente. 

"A parceria com a Infor e a sua equipa de data science é excelente. Ouviram com muita atenção os nossos requisitos, e, em muito pouco tempo, forneceram uma excelente ferramenta. É de fácil compreensão e usabilidade, para que possamos melhorar o nosso processo e a margem, o que torna a minha vida mais fácil", disse Liesbeth Stoopen, gestora de operações da Amalthea. 

O Infor CloudSuite Food & Beverage apoia a Amalthea, em toda a cadeia de abastecimento - desde a receção do leite até ao armazém do queijo. O sistema faz interface com a automação da produção na fábrica, como unidades de pesagem e os tanques de processamento. Também torna o fecho financeiro muito mais rápido do que costumava ser, de semanas a dias. Ter o negócio com a Infor, em pleno funcionamento na cloud é a base para o crescimento, uma vez que os dados desempenharão um papel cada vez mais importante na produção de lacticínios. 

"A Infor tem um catálogo de processos especificamente concebido para o sector do leite, que fornece uma visão sobre a utilização do leite e a sua rentabilidade. É o fator mais importante para o nosso custo e a Infor já nos ajudou a poupar”, disse Aarts. "Agora, com a implementação da Coleman AI, podemos alargar ainda mais o nosso objetivo, porque temos a informação em tempo real sobre a produção de leite".